lee

Riitta, uma artista finlandesa nas terras brasileiras

Riitta nasceu em Helsinki, na Finlândia, numa gelada tarde de inverno, quando lá fora os termômetros marcavam menos 23 graus!

Migrou para o Brasil na década de cinqüenta, quanto tinha dez anos, tendo se radicado em São José dos Campos, no Vale do Paraíba.
Lá estudou, e casando-se, foi morar em Vitória, no Espírito Santo, onde procurou uma oportunidade para tomar suas primeiras aulas formais de pintura.
* * *
Mas, Riitta desde pequena, como autodidata, sempre se interessou e se envolveu, com muita habilidade, com artes manuais, em geral: bordados, pintura, tricô, crochê, e similares. Ela aprendia as técnicas e pontos com muita facilidade, bastando observar alguém mais experiente fazer.
Na década de setenta, mudou-se para Campinas, e retomou seus estudos de pintura, tendo sido aluna dos conhecidos pintores e professores campineiros, Teresa Cristina Florence e, depois, Francisco Biojone. Seus quadros, nesta fase, demonstram grande sensibilidade e domínio das técnicas aprendidas.
* * *
 A partir da década dos noventa, Riitta se interessou por trabalhos de tear manual, talvez motivada por lembranças de sua infância finlandesa, tendo como orientadora a artista finlandesa Kaija Rautinen, hoje radicada no Canadá, tendo produzido posteriormente, em seu atelier, peças lindíssimas e muito apreciadas.
                                                                       * * *
Mais recentemente, em 2006, ingressou na Escola de Bordados, em Campinas, chamada Espaço Lee Albrecht Design, tendo como professora a conhecida artista Lee Albrecht. Ali se destacou como uma artista criativa e dedicada, trabalhando, desde então, como assistente e parceira de sua orientadora.

Em 2008, juntamente com Lee criou e elaborou uma série de peças com motivos florais, utilizando a técnica de Blackwork, inspirado em seus trabalhos de Aplicação em Patchwork.  Tal material serviu de inspiração para sua professora produzir um lindo livro artesanal, intitulado “Flores no Jardim”.
* * *
Riitta embora tenha atingido um alto grau de perfeição em seus trabalhos, nunca se sente satisfeita ou completa. Continua trabalhando, desenvolvendo novas habilidades. Ela é uma pessoa que se ocupa sempre em praticar, preservar, ensinar e ampliar os conhecimentos tradicionais envolvendo a arte de trabalhar com linhas. É uma artista completa.

 

Clique na foto acima e visite  “Nossos Produtos”  - Kits disponíveis para venda
clique aqui

 

MAPA DO SITE